Juntando as Peças

Sempre vemos notícias de vazamento de dados ou coletas não autorizadas e na maioria das vezes as empresas responsáveis afirmam que os dados não podem ser usados para identificar um usuário específico por estarem criptografados. Não é bem assim que acontece na prática.

Uma ferramenta foi desenvolvida em um trabalho de classe da Escola de Engenharia e Ciências Aplicadas John A. Paulson, de Harvard tendo a capacidade de vasculhar e correlacionar conjuntos de dados expostos, provando que isso é capaz e que hackers já utilizam de maneiras perecidas para atingir pessoas.

Dados soltos de um vazamento pode não ser praticamente nada, mas quando dados de outros vazamentos ou até mesmo dados disponibilizados na internet são encaixados eles formam um todo, recriando de perfil individual detalhado identificação.

Em outras palavras é possível pegar peças separadas de dados e monta-los como um quebra-cabeça.

Uma das principais portas para invasões e roubo de identidade é a reutilização da mesma senha em vários serviços. Uma sugestão é utilizar diferentes e-mails / logins e diferentes senhas para cada serviço para dificultar ataques e proteger os seus dados. Nós esquecemos quando ocorrem vazamento de dados, os hackers não.